Igreja em Campina Grande
O Testemunho da Unidade do Corpo de Cristo nesta Cidade.
s
| Inicio | O Que Cremos... | Perguntas e Respostas | Mensagens | Alimento Diário On-line |
| Expansão | Reuniões | Mensagens em Áudio | Programa Fruto da Vida |
| Links | Fotos | Contate-nos | Literatura |
 
Menu
  Início
O Que Cremos
Perguntas
Mensagens
Expansão
Reuniões
Link
Áudio
Encargos
Fruto da Vida
Alimento Diário
Contate-nos
Fotos e Vídeos
Radio Web
Downloads
Compartilhar
Literaturas
Palestras
Informativo
Agenda
Novidade
 
 

Mensagens

 A Diferença entre as Operações de Deus e as de Satanás

Como devemos nos guardar contra o engano? Precisamos discernir o que é a operação de Deus e o que é a operação do inimigo, qual é a obra feita pelo Espírito Santo e qual é a obra realizada pelo espírito maligno.

Todas as obras do Espírito Santo são realizadas através do espírito do homem, mas as obras do inimigo são feitas através da alma do homem. O Espírito Santo move o espírito humano, enquanto o inimigo move a alma do homem. Essa é a diferença básica entre as operações de Deus e as do inimigo. A obra de Deus é iniciada pelo Espírito Santo, mas a obra do inimigo começa na alma do homem.

Por causa da queda, o espírito humano está morto e não pode, por isso, comunicar-se com Deus. Quando cremos no Senhor Jesus, nós nascemos de novo. Qual é o significado de ser salvo ou nascer de novo? Isso não é apenas uma questão de terminologia; na verdade, uma mudança orgânica real ocorreu em nós. Quando confiamos no Senhor Jesus, Deus põe sua vida dentro do nosso espírito e o vivifica.

Como o espírito do homem é a parte principal, assim também este novo espírito que Deus põe em nós é a parte principal.

João 3.6 nos diz o que é o novo nascimento: “O que é nascido do Espírito é espírito”. Ezequiel também nos informa: “[Eu, Deus,] porei dentro de vós espírito novo” (36.26). Por isso, na regeneração nós recebemos um novo espírito. Em certa ocasião, o Senhor Jesus disse: “As palavras que Eu vos tenho dito são espírito e são vida” (Jo 6.63).

Nossa vida e obra devem, portanto, estar na esfera de ação do espírito. Quando Deus nos usa, Ele sempre opera no espírito e por meio dele. “Enchei-vos do Espírito” (Ef 5.18) indica que esse novo espírito deve ser enchido com Espírito Santo. Em outras palavras, Deus enche nosso espírito com seu Espírito Santo.

O Espírito Santo opera em nosso espírito, mas o espírito maligno opera em nossa alma. Satanás só pode operar na alma e pelo poder da alma. Ele não tem como iniciar sua obra no espírito do homem; sua obra se restringe à alma. O que ele tem feito nos últimos cinco ou seis mil anos, ele está fazendo atualmente e continuará a fazer no futuro.

Por que ele parece ser onipotente, onipresente e onisciente como Deus? Por nenhuma outra razão senão pelo que ele pode realizar com o poder da alma do homem. Podemos dizer que, enquanto o Espírito Santo é o poder de Deus, a alma de homem parece ser o poder de Satanás.

Que tristeza tantas pessoas ignorarem o fato de que muitas práticas ascéticas, respirações, e meditações abstratas do budismo e taoísmo, o hipnotismo da Europa ocidental e os inúmeros prodígios vistos nas pesquisas psíquicas são apenas as manifestações do poder latente da alma do homem. Eles não sabem quão tremendo é o poder da alma.

Irmãos e irmãs, não consideremos isso como um problema pequeno nem rejeitemo-lo como sendo pesquisa para os eruditos. Na realidade, ele tem efeitos profundos sobre nós.
 

Trecho Extraído do Livro O Poder Latente da Alma - Watchman Nee - Editora dos Clássicos.
 

           

Versículo Para Ler e Orar

   
Copyright 2008 Igreja em Campina Grande. Todos os Direito Reservados
Ultima Atualização: quarta-feira, 24 de junho de 2015 12:29:50